Faculdade Murialdo

Acadêmicos do curso de Pedagogia participam de atividade na Fazenda Escola

Na manhã ensolarada do último sábado, 20 de novembro, os estudantes do curso de Pedagogia participaram da atividade “A botânica nas séries iniciais: reflexões e práticas de ensino”. A iniciativa foi realizada na Fazenda Escola Murialdo, em Ana Rech, com o intuito de aproveitar os recursos naturais e a área verde da Instituição.

 

O encontro foi dividido em dois momentos: um teórico e outro prático. “A finalidade principal dessa Oficina de Botânica foi proporcionar aos alunos estratégias e metodologias para tornar este conteúdo atrativo, significativo e compreensível para a educação infantil e séries iniciais”, explica a professora Ma. Ana Silvia Eder.

 

Para a acadêmica Monica Perquin Boijink, a manhã foi repleta de conhecimento. “Gratidão em poder estudar em um lugar que te dá uma gama tão grande de conhecimento e vivência, nos faz sentir na pele o gosto pelo estudo. Fiquei muito feliz por aprender um pouco sobre Botânica”, destaca.

 

​Já para o professor Felipe Gonzatti, a oficina foi muito proveitosa para todos os envolvidos. Durante a atividade, foram apresentadas às acadêmicas práticas inovadoras no ensino da botânica, baseadas em metodologias ativas de ensino. “Este contato direto com a prática profissional deixará nossas acadêmicas mais preparadas para os desafios do mercado de trabalho, bem como mais atuantes na formação de cidadãos sensíveis à preservação das plantas e do meio ambiente em geral”, enfatiza.

 

Os acadêmicos participaram de uma série de atividades. Confira:

 

Jardim Sensorial: os alunos tiveram os olhos vendados, e foram desafiados a identificar espécies vegetais utilizadas no dia a dia por meio de outros sentidos (tato, olfato, paladar). Com esta atividade foram discutidos conceitos como as adaptações ecológicas das plantas; e a educação inclusiva no ensino da biodiversidade;

 

À caça das plantas: os alunos fizeram uma caminhada pelo setor de grandes animais (setor 1) do Centro Veterinário Murialdo e lá identificaram espécies e formas de vida vegetais vivendo nos mais diferentes espaços;

 

Botânica na mesa: a partir da explicação das partes da planta, foi realizada uma atividade de reconhecimento das partes do corpo vegetal utilizados na alimentação humana. Os alunos associaram diversos alimentos de origem vegetal, com os respectivos órgãos das plantas;

 

Dinâmica da polinização: com o auxílio de um modelo didático, foram apresentadas as partes da flor e as síndromes de polinização. Ao término da atividade, os alunos saíram para a parte externa do prédio, coletaram flores e identificaram as estruturas visualizadas no modelo didático;

 

Trilha ecológica: nesta atividade os alunos percorreram os fragmentos florestais da Fazenda Escola Murialdo para a observação e reconhecimento dos principais grupos de plantas e sua interação com a fauna local. Também foram discutidos aspectos relacionados à importância das plantas, das florestas e da conservação da biodiversidade como um todo.

 

Fotos: Divulgação

 

Imprimir Notícia